quarta-feira, agosto 29, 2007

Coloridos e apetitosos ...

A propósito do comentário do comentário de ontem da nina "africana" ...
"... Hoje por aqui vamos ter um folar de Chaves vindo directamente do produtor para o consumidor e não sei se devia dizer mas ainda um branco Plátano velho de reserva ..."
Lembrei-me de mostrar aqui hoje, igualmente acabadinhos de chegar directamente do produtor (pena que seja apenas em foto) cultivados na chácara do nosso querido Amigo Gilinho, o nosso Príncipe brasileiro, estes coloridos CAJUS !!!

Digo "apetitosos" apenas para tornar o título pomposo, porque na verdade não faço a mínima ideia como se comem ou a que sabem. Dos cajus, apenas conheço a "castanha" já torradinha e pronta a papar. Mas pela cor e aspecto, não duvido que sejam óptimos !!!























(Clique nas imagens para visualizar)




* Resto do "Stok de barritas de caju" *
(oferta brasileira da n/amiga Irene)

34 comentários:

The Talker disse...

Wish I were able to read this site, but read only english. So see my sites.
The Psychics Blog - http://thepsychicsblog.blogspot.com/
The Healers Blog - http://waysofahealer.blogspot.com/

Razors Edge - http://anotherlookatit.blogspot.com/

Pascoalita disse...

Ai valha-me a santa dos ignorantes aflitos! Tb pra si, lindinho ehehehehehh

Mas eu vou lá cuscar, pode deixar :)

Telmo disse...

Ehhh escrevias em Inglês ehhh achas que ele te entendeu? ehhhhhhhhhhhhh




Os acajus a castanha tá ali na parte de baixo, abre-se aquilo e sai de lá apenas uma castanha, assim imagina quantos não são precisos para dar um saquito delas...

Em Angola usavam para bebidas fermentadas (na mata) a castanha era igual torrava-se salgava-se o que fosse... no Brasil da polpa fazem doces e comidas que acompanham tanto com bifes como outras coisas. Foi o Gilinho que explicou. os doces de acaju que mais gosto, têm miolo ou polme com açúcar grosso e sei lá que mais, mas tudo junto sabe bem pa bué...
Lindos frutos com aqueles laranja coloridos e brilhantes..Hum temos de ir à chácara do Gilinho...

Cala-te boca ques e a cusca sabe que ele tem chácara, muda de noivo ehhhh...

albertokorda disse...

Vejo com alegria que o post é novo.
Até breve

Betynha disse...

Olá, gentinha bem disposta!
Estou quase a retornar às minhas responsabilidades e só virei aqui esporadicamente, mas têm aqui um ambiente agradável. Dá gosto assistir a este são convívio.
Passei aqui uns dias agradáveis e voltarei sempre que puder.
Continuem a produzi gargalhadas
bjs

Laura disse...

Pensei que tamém tinhas levado um raspanete da betinha, mas..acho que era apenas para a adrianna ehhhh vamos andar a ver o sururu que vai acontecer...

Teté disse...

Não fazia a menor ideia que os cajus tinham esta cor e este formato. Mais parecem pimentos vermelhos ou laranjas ou até tomateiros..

Estamos sempre a aprender!

Pascoalita disse...

Laurita (disfarçada de telmo),

mas afinal são "cajus" ou "acajus"? Chama aí o Gilinho para esclarecer.

albertokorda,

O Agosto está quase no fim e com ele vai-se a "boa vida" eheheh
Os posts tb passarão a ser mais escassos ou plo menos encolherão de tamanho eheheh

Pascoalita disse...

Bety,

Sei bem o que isso é ... tb por aqui já começamos a sentir o mês de Setembro a aproximar-se e com ele a azáfama infernal :)

Pascoalita disse...

Nem eu, teté!!!

Juro que fiquei estupfacta!

O mais curioso é que temos à nossa frente, sobre a secretária, um frascão com "barrinhas de caju", igualmente mandadas por uma Amiga do Brasil, e nunca tinha parado pra pensar de que parte do caju que eu conhecia, ou seja da castanha, aquilo seria feito eheh

Trata-se dum prensado escuro, super doce, tipo "marmelada", polvilhado com açucar pilé, que a mim me sabe a figos.

Alguém sabe dizer o nome exacto?

Mais logo, colocarei uma imagem ao lado dos cajus, no post.

Laura disse...

Cajueiro a árvore e várias qualidades existem e tem também o nome de acaju porque em Luanda era assim que chamávamos a uma variedade que existia.vou mandar por email pa veres.

Pascoalita disse...

Já percebi.

acaju
s. m., Bot.,
árvore da família das anacárdias;
caju;
ant.,
fruto do acajueiro.

Laura disse...

Ehhh que letrada.
mandei cumprimentos (acho que eram mesmo cumprimentos vá-se lá saber..se troquei o inglês ehhh por outra frase qualquer) ao teu amigo de Chicago ou abreviando...

SILÊNCIO CULPADO disse...

A convivialidade é meia vida. Sentir a presença e a solidariedade dos outros, independentemente do que fazem ou do rosto que têm, é algo de que não se deve abrir mão pois a vida é um desafio por vezes complicado e são os outros que nos ajudam a vencer. Parabéns pois pela iniciativa de manterem essa amizade e criarem este espaço de comunicação por onde irei passando de vez em quando para dizer um olá.

Pascoalita disse...

Laurita,
Já lá tens a resposta do jeitoso!

Achas que lá vá dizer-lhe que o blog é ... "very amazing" e que ele é ... "very nice? eheheh

Não! É melhor dizer-lhe que se gosta assim tanto disto, que aprenda portugês eheheh

Ahlka disse...

Fiquei sem perceber se crescem numa àrvore, arbusto ou trepadeira :)

Qual é o sabor daquela coisa laranja à qual, nós 'comuns mortais' nunca tivemos acesso?

Viver Um Novo Fim disse...

Que frutos são esses não conheço.
Bom dia para ti

L.S. Alves disse...

Gente! Eu moro aqui e não fazia idéia que vocês desconheciam o prazer de comer um delicioso cajú maduro. Daqueles que você morde e o suco chega a escorrer pelo canto da boca de tão suculento. Docinho, hum...
Está na hora de virem aqui provar.

Pascoalita disse...

Alka,

Tb estou curiosa, mas suponho que são árvores, ou trepadeiras gujos troncos parecem suficientemente grossos para suportar tão grandes frutos.
Vou pedir por mail ao Gilinho que nos esclareça!
Nota: Tinha cortado ligeiramente as fotos, mas recoloquei-as para se observar melhor.
P.S. Eu quero um "cajueiro" ou "acaju" no meu quintal!!!

Pascoalita disse...

Silêncio Culpado,

Obrigada pelas amáveis palavras. Serás sempre bem vinda :)

Viver um Novo fim,

Pelo que me foi dado perceber, estes frutos utilizam-se de várias formas, além de se comerem ao natural, creio que se fazem outras iguarias, tipo "compotas" ... será??? Juro que tb estou a leste :)

Pascoalita disse...

Nino Alves,

Juro que até há pouco tempo, pensava que a "castanha de caju" constituía o fruto de um determinada árvore ou arbusto ... para mim, CAJU era só aquilo que se vende em pacotinhos, latas ou avulso, alguns simples, com sal ou piri-piri, e ponto final, parágrafo.

Conheço a "castanha de caju" há quase 40 anos e só agora conheci o fruto do qual a castanha é um simples "apênteses" eheheheheh

Bem ... só de pensar qtos cajus não são necessários para juntar 1kg de castanha ...

:) :)

Pascoalita disse...

ehehehehhehheheheheheheheh

Sabem porque estou a rir???

Qdo recebi estas fotos por e-mail, e apesar de ver escrito CAJU, pensei tratar-se duma especialidade de "tomates aéreos" eheheheheheh

Há pouco chamei aqui o meu hortelão para ver e disse-me:

- Parecem "DIÓSPIROS"
- Parecem ser um "cruzamento de tomate com dióspiro ... até os "pedúnculos" são iguais aos do tomateiro eheheheheh

(Já implirei ao "Produtor e Fotógrafo" que nos elucide)heheh

SILÊNCIO CULPADO disse...

Este é um espaço gostoso. Uma autêntica lufada de ar fresco. Apetece-nos passear por aqui com os cabelos ao vento.
As tuas mensagens no meu sítio revelam muita capacidade crítica. Gostei particularmente delas.
Voltarei a visitar-te

E.Adriano disse...

Menina Pascoalita

Os cajus são uma fruta tropical, mas, se se os comer frescos, têm um sabor a resina, segundo me contaram. Mas quando diz que os gajos são coloridos e apetitosos, pensei que se referia a outro tipo de fruta tropical.


Cumprimentos ...

Laura disse...

Ó nina vamos por pates, em Angola havia desde arbustos a árvores de grande porte, no meio da mata, se apanhados evrdes, sabem a muito áspero e até fazem a boca ficar com uma sensação demasiado má, provei e nunca mais..
Maduros são doces, mas lá usavam pouco em doçarias e faziam uma bebida fermentada (deixa perguntar ao marius a ver se ele sabe e se explica melhor, mas os pretos no mato destilavam isso e embebedava pa caraças ehhh)
No brasil sabes que de tudo fazem doces, desconfios e apanharem alguma coisa do chão e lhe botarem açucares e leite condensado sai coisa boa ehhhhhhhh...Brasil tudo faz doce de frutas sejam elas quais forem...
Aqui não se dá esse arbusto, de maneira nenhuma, tem de viver em clima tropical e os nossos invernos não deixam que medre...Quem sabe experimentas e consegues...

Gilinho disse...

Querida Pascoalita: na realida o fruto é a castanha, esta parte colorida que se vê é o que chamamos de pseudo-fruto do caju. Aqui pra nós o nome é Caju. O porte é idêntico ao de uma mangueira, mas existe o caju comum, com variedades de sabor, doce, azedo, rançendo (deixa na boca um gosto como se tivesse azia), etc. Estes da foto, são cajus melhorados através de cruzamentos, são todos doces e muito bons. Da castanha tira-se a amendôa, 5 quilos de castanha produz um quilo de amendôas. Do pseudofruto, faz-se tudo, bife, macarrão, paçoca, doces em calda e em barra, etc. Do líquido que tem no pseudofruto, faz-se cachaça, vinho, licor (muito gostoso por sinal), etc. O caju é uma fruta tropical, acredito que a África seja um grande produtor, mas em Portugal provavelmente ele não se adaptará pelo clima frio, e quanto mais quente a temperatura mais ele se adapta bem. Mandarei outras fotos para vocês conhecerem melhor. Eles existem nas cores vermelha (mais aceito comercialmente), amarelo e vermelho amarelado. Mandarei também um site que tem tudo sobre o caju, salvo enganao é www.portaldocaju.com.br , mas vou confirmar.
Um bom fim de semana a todos.

Pascoalita disse...

Obrigadão, meu querido Gilinho.

Só fiquei com uma pequena dúvida ... suponho que "amêndoa do caju" seja aquele produto final que nós conhecemos?!?

É verdade! Não se devem msm dar no noso clima, mas como as coisas estão a mudar a um ritmo infernal, acho que será boa ideia trazeres a semente qdo cá vieres para o quintal do meu hortelão fazer sucesso na região eheheheh

Um xi-coração apertadinho ao nosso AMIGO brasileiro.

Mexicano-Apaixonado disse...

Já sei ... Vou arranjar uma noiva brasileira para encher a pança de frutos tropicais :)

Pascoalita disse...

E.Adriano,

Sabor a resina??? Já me disseram que qdo comidos ainda pouco maduros, deixam na boca áspera, semelhante ao que acontece qdo comemos diospiros menos igualmente menos maduros.

Bem ...
Os frutos tropicais têm sempre aspecto apetecível, msm aqueles que não conhecemos, o que não quer dizer que arrisquemos comê-los sem primeiro os testarmos eheheh

Gilinho disse...

Os cajus comuns tem uma certa variedade de sabores, mas estes das fotos são cajus da variedade anão precoce, todos muito doces de excelente paladar. Tenham certeza que um dia irei por ai e levarei pra vocês.

Endiabrada disse...

O dono dos cajus, o teu amigo Gilinho chamou a essas coisas grandes "pseudo-fruto" e FRUTO à castanha!!!

Quer dizer que a castanha é o melhor de tudo???
Tb não admira, já percebi que melhores coisas são sempre as mais minúsculas eheheheh

Laura disse...

Ó cusca claro, como a mim pequenina e ainda fazem pouco do meu metro e meio mal medido, mas a muié quer-se pequenina como a sardinha e não alta ,que a cabeça das altas desata as calças ehhhh, foi o que saiu ehhhhh..pequeninas pois...

mary90 disse...

Olá Pascoalita.
Eu adoro castanha de caju, tenho sempre em casa.
O meu irmão que está em Luanda quando cá vem trás sempre um saco cheio para nós e a de lá não tem tão bom aspecto mas tem um gosto muito melhor.
Boa semana.
Beijocas

Pascoalita disse...

Briaga, Mary :)

Que os próxinos 15 dias ajudem a acumular forças para enfrentar um bnovo ano laboral.
Bjs