domingo, agosto 05, 2007

Um "Bicho odioso" ???

Ao ter falado há dias em "picar o ponto" ...

É engraçado como a maioria dos meus colegas tem um "ódio de estimação" a este objecto! Eu, pelo contrário, talvez porque durante mais de 25 anos me habituei à presença do seu antecessor, um "bichinho mecânico", de aparência bem menos elegante, que exigia um árduo trabalho na feitura, verificação e controlo das respectivas "fichas de assiduidade", não me causa o menor mau estar.

Na verdade, para ser mesmo sincera, ao fim de apenas 5 dias de férias, até já começo a sentir saudades do seu maquiavélico e inconfundível "piiiimmmmm" !!!



16 comentários:

Laura disse...

Ehhh, eu sei que tu nem aguentas uma semana de férias, não dessas de ficar em casa, se fosses até ao Barlavento Algarvio, decerteza que ficavas por lá, em casa, só trabalhas de graça e no emprego o patrão paga-te ehhhhh, assim manda a casa às urtigas e vai ouvir já o barulho do teu marca ponto...

Laura disse...

Pensei que o boneco era pa medir a tensão de quem entrava, pelos vistos!...

Viver Um Novo Fim disse...

marcar ponto é bom porque não? evita que as horas feitas a mais ou a menos fiquem invisiveis.
Mas as férias também são boas, claro... sem marcar ponto não é...
Boas férias cheias de coisas pequeninas mas que encham a "Vida"

Teté disse...

Credo, nem queria acreditar que tiveses saudades de uma coisa dessas...

Pascoalita disse...

eheheh
Laurita, só eu teria saudades duma coisa dessas, né? Qta doideira ahahah

Pascoalita disse...

viver um novo fim,

Já não se fazem sistemas como os de antigamente. Este é de fácil manipulação e se quem o gere não tiver escrúpulos, tudo é permitido, embora tb permita a conferência de eventuais alterações.

Acumulo um excesso de cerca de 15horas semanais, as quais por indicação superior não estão visíveis nem passíveis de consulta, para impedir os funcionários de gerir o tempo a seu favor.
Este método de controlo do pessoal não é fiável, apenas foi implementado por incapacidade da gestão de fazer cumprir deveres e ludibriar, digamos que "para inglês ver" eheheh
Está mais que provado que quem sempre cumpriu, continua a fazê-lo; quem nunca o fez, apenas mudou de método.

Pascoalita disse...

teté,

Não passo grande cartuxo ao objecto. Continuo a proceder como sempre e por sinal já usufruí algumas vezes das horas em excesso e se não o faço mais vezes, é por respeito para com o trabalho, não para com as chefias.

Pascoalita disse...

Laurita, medir a tensão ao pessoal? eheheheh
Na verdade, bem podiam inventar um sistema que medisse a sanidade mental ou a falta dela eheheh

Grilo da Idanha disse...

Bom dia, quanto a picar o ponto...não tenho conhecimento de causa. Mas fico a saber que se trata de mais um factor capacitado de induzir saudade.

Mas se me permites uma resposta mais atrasada...Dar a alface a boca já seria muita mordomia, mas quando está a saber bem...até que pode ser. porque não? ehehehe

Arcanjo disse...

Como podes estar de férias e sentir saudades de tais aparelhos electrónicos???

Ouve antes outros sons.
Que tal o barulho do mar, o vento a agitar as folhas das árvores e já agora podias ouvir umas músicas que te alegrem e alcalmam.

Esqueçe o relógio de ponto.

Estás de férias linda.

Beijocas***

Pascoalita disse...

Grilo da idanha,

São mtos anos a "picar ponto" eheheh

arcanjo,
Como? sendo suficientemente instável para só estar bem onde não estou e louca para o confessar eheheh
Obrigada pelo conselho que tentarei seguir. 1 beijo

Grilo da Idanha disse...

Bom...pois...
Acredito. Não ponho em causa.
Acho que me está a saber bem a alface...

Ahlka disse...

Ui..Que mau gosto!
Fico doente só de ter de cumprir horário, nem quero imaginar como ficaria com um 'electrodoméstico'destes na minha vida :)

africana disse...

Pois eu..já lá vão tantos meses que o uso e acreditam que sempre que vou picar o dito cartão, seja ele para entrar ou sair..fico a olhar como burro para palácio pois nunca sei qual a tecla que devo carregar no momento?!
Juro que é verdade!E posso-vos garantir que não é por não saber difrençar as cores, verde para entrar, vermelho para sair, mas antes pelo facto de que o faço de má vontade!Detesto sentir-me controlada,não preciso disto para saber o que devo ou não fazer e irrito-me cada vez que lá tenho que ir "picar" o cartão, mesmo não saindo!Levanto-me, vou picar o cartão e volto para a minha secretária e o inverso quando chega a hora de entrar!!Pode!?Não é de irritar? Claro!Daí que sempre que la vou..ando com o dedo do vermelho para o verde como quem faz..pim pam pum e..ups, quantas foram as vezes que já me enganei?Sei lá mas já foram muitas!

Pascoalita disse...

Qtas vezes já nos aconteceu picarmos saída e no minuto seguin te a entrada só pq nos enganámos eheheh

Eu gosto é qdo o bicho nos diz "escolha a tecla" eheheheh

É que a malta por vezes põe-se a exibir o cartão à frente do bicho, sem previamente termos escolhido a tecla e não é que o matreiro dá logo pelo erro? ahahahah é como eu digo ... um dia destes inda inventam uma dessas máquinas que adivinha o que pensamos e aí ... bem, eu tou feita!

africana disse...

Inda vão pensar que somos atrasadas mentais