domingo, agosto 02, 2009

Arroz doce

Uma sobremesa que não fazia há muito tempo!

Preparei-o enquanto ia fazendo o almoço e a ideia era fazer um miminho ao caçula que ainda dormia. Mas só comeu o pratinho ao fim da tarde e mais uma tacinha ao jantar.

A mim tocou-me rapar o tacho enquanto ainda estava morno, pois é assim que me sabe bem e comi apenas uma tacinha ao lanche, mas está delicioso.



A receita é simples e desta vez usei "arroz doce" Saludães que me devia devolver o valor que paguei, em dobro, em troca da publicidade eheheh

21 comentários:

Zé do Cão disse...

Aqui está um doce tipicamente portugues. Só os nortenhos não apreciam.

Eu adoro.

Não entendo como no minho não comem letria em qualquer comida por lhes lembra as lombrigas, mas for letria doce, já se lambem.
biquinhos

Laura disse...

Tinhas de por aquela boca e aquele sorrios, só tu para te lembrares, e é morninho que me sabe bem, também, é como a marmelada no tacho, quando acaba, rapo, mas deixo suficiente para me encher..tão bom...Beijinhos.

Pascoalita disse...



Letria não aprecio muito e cá no sul não se usa tanto assim.

Também és guloso por arroz doce?

bjitos

Pascoalita disse...

Laura,

Lembras-te que já disse que quando os miúdos eram pequenos lhes fazia sempre um pratinho com as respectivas caras? A do Nuno distinguia-se pelos óculos que desta vez não fiz porque só o caçula estava em casa eheheh

Coisas de mãe coruja (ou será galinha? eheheh)

jinhos

Zé do Cão disse...

Porra!... Se sou!...
Nunca perdoei. E os putos também, mas eu sou pior do que eles.
Ao fim de semana era cada panelada, que não fazes ideia.

Beijocas

Parisiense disse...

Pois por mim podes comê-lo todinho que eu não gosto....ahahahaha

Que queres....cada tolo sua mania...ahahah

Já estas no teu PT ao que precebi......espero que te encontrem no meio desses recados todos...:)

Beijokitas e boa semaninha.

L.S. Alves disse...

Não sei o que houve comigo. Quando era criança adora comer esse negócio, agora não posso nem sentir-lhe o cheiro. Será que o arroz doce da Pascoalita pode me curar?
Um abraço moça.

Cusca Endiabrada disse...

Adoro arroz doce, de preferência morno como tu.

Mas há aqui uma fallha ... então onde está a receita, hein?

Zé do Cão disse...

DE doces conventuais não se dá a receita a ninguém.
É autentico segredo...

Biquinhos

Susana disse...

Pascoalita:

Nunca fiz arroz doce, mas gosto muito de o comer. Quando era pequena era uma guerra... a minha mãe tinha que fazer doses iguais para mim e para a minha irmã e marcava o arroz doce com a primeira letra do nosso nome (A e S), com canela.Não fosse a minha irmã comer uma taça a mais do que eu...

E como o Zé do Cão diz é um doce tradicional , bem típico da Beira.

Já agora estás a dar-me uma ideia: por que não abrir uma rubrica de culinária no clube das mulheres beirãs, com a tua receita, aceitavas?

Bjs Susana

Laura disse...

nham, mais como mais taças sobram e eu que as quero papar todas, porque, almocei coisinhas que não engordam, e assim, desforrava-me aqui..jinhos a ti.

Susana disse...

Pascoalita:

Já te coloquei na lista dos participantes. Podias colar o cartaz no teu blogue, para incentivar os teus leitores a participar?

E até dia 10, cá estarei para ver aqui a tua postagem dedicada ao tems!
Bjs Susana

Pascoalita disse...

Susana,

Nunca comi arroz doce melhor do que o que faz a minha madrinha! Nunca consegui que o meu ficasse tão bom!

Não coloquei receita porque acho que toda a gente o sabe fazer, embora um saia mais aperfeiçoado. Acho que o segredo está em deixá-lo abrir bem na água e depois juntar-lhe a quantidade de leite suficiente. Já a quantidade de ovos depende do gosto de cada um e de também de deve ter cuidado dado o seu elevado valor nutritivo.
Claro que podes colocar a foto (não digo a receita porque não a incluí mas posso mandar-ta ou inclusive acrescentá-la ao post)
no Blogue das Mulheres Beirãs.

Ah! Veremos se a minha habilidade chega para mais logo colocar aqui os cartazes de incentivo.

Um beijo

Pascoalita disse...

Laurita,

Bora lá também tu a falar sobre as Festas da tua memória no Blogue da nina SUSANA!

Entra através do meu Blogue em "Aldeia da Minha Vida" e participa!

Vá lá que prometo fazer arroz doce (receita da madrinha) da próxima vez que venhas cá a casa eheheh

jinho

Diego disse...

huuuuuuuuuuuuuummmmm , nhamiiiii... ARROZ DOCEEEEEEEEE :D


besos

Diego disse...

Obrigado pelo teu "rastinho" no meu :)

e muito obrigado pelo teu sugerido :) esperarei

Susana disse...

Pascoalita: És demais! Estás a convidar os teus amigos atroco de umas tacitas de arroz doce...cuidado. olha que depois podeam cobrar-te a sério...mas se for preciso vou ai ajudar-te a fazer o arroz...em bora também não seja especialista nisso...

Obrigada, amiga, és demais!
Bjs doces(E por falar em doces.. já está no clube das mulheresuma doceira profissional, lá da tua terra!)

Susana



Susana

Laura disse...

Ahhh, já enjoei o aroz doce, xi bote aqui coisinah d emata bicho...hum...becon com ovos, torradinhas finas, enfim..beijinhos e um dia bom..laura

Zé do Cão disse...

~Esta moça de nome SUSANA, está com uma genica. Imparável.
Será que as mulheres beirãs, ainda têm a fisionomia do tempo de D. Diniz?
Fortes, baixas, pelo na vento e bigode farfalhudo?
ahahahahah.... que me havia de dar.
Já agora, confesso. A minha ultima conquista, aquela com quem dei o nó foi conseguida a uma mesa de um Restaurante da Beira Alta. Comendo o arroz de carqueija. Conheces o nome desse restaurante, SUSANA.
é Famoso, situa-se em Vizeu e... na altura havia paredes forradas a guardanapos. D. Zeferino

Dina disse...

Adoro arroz doce acabado de fazer...

Alessandra B. Aguiar disse...

Tenho procurado por esta cor de Dália que você chama "Dália canudinho" mas aqui em Brasília é muito difícil esta cor, ficaria muito feliz em ganhar uma batata dela pra fazer um mudinha para o meu pequeno jardim! Meu endereço é QNL 13 bloco G Casa 05 Taguatinga Norte. CEP72151317. Nossa! Como ficaria feliz se pudesse realizar esse meu pedido!