domingo, maio 06, 2007

Mãe

Mãe... São três letras apenas

As desse nome bendito:
Também o Céu tem três letras...
E nelas cabe o infinito.

Para louvar nossa mãe,
Todo o bem que se disse
Nunca há de ser tão grande
Como o bem que ela nos quer...

Palavra tão pequenina,
Bem sabem os lábios meus
Que és do tamanho do Céu
E apenas menor que Deus!
(Mário Quintana)



22 comentários:

Zeca Paleca disse...

FELIZ DIA DA MÃE - PASCOALITA.

O cisne disse a última palavra no lago à
deriva,
e o tigre preparou o salto quando vos seus
olhos se acenderam dois archotes.

Ajuda a prepar o casamento do EMPLASTRO no
http://lusoprosecontras.blogspot.com

Laura disse...

Olá pascoalita, mas quando é que este galga mundos deixa de andar a correr sem parar? Acho-lhe uma piada que nem sabes....
Ó rapaiz, até parece que ganhas euros se formos ao Luso blogues ehhhhhhhh. Se assim for eu faço parte tamém e no fim do dia trago uma saca cheias deles (não de cavacas que na enchem a bolsa e sim a barriga)
Beijinhos Ó pascoalita e feliz dia para ti..
Vou agora levar a mãe a casa e...e mais isto..pa ela, e passas ali e aciolá deixas isto á tia beatris, e ós pois passamos ali e hhhh já volto..jinhos pa ti.

Pascoalita disse...

Apesar de não ser apologista destas comemorações, parecendo restringir-se os afectos apenas a estas datas, ensinei os meus filhotes a darem os parabéns à madrinha que tanto lhes quer, por sentir que é tb um pouquinho mãe deles!
Eu própria, liguei-lhe há pouco, como faço sempre!
Claro que os safadinhos nem piaram, pois se nem a mim me disseram nadika ...

Laura disse...

Precisas de cortar a crista aos teus galitos para que aprendam a cantar a quem lhes deu a vida e se sacrifica para que nada lhes falte...
Mas que galirós atrevidos esses....
beijinho a ti e deixa lá já tiveste muitos mimos hoje ao longo do dia....
Lá fui levar a mãe, andamos a evr a horta linda e tantas flores, os coelhos as galinhas, tudo muito bonito, gosto de ver. Ficamos na treta e cheguei à um bocadinho. O chefe já tinha chegado da almoçarada e vinha bem.E como sempre pouco blá blé e eu ralada ehhhhhhhh..

Pascoalita disse...

Laurita, não me foi possível fazer o que me pediste. Logo a seguir ao almoço apareceram cá os meus cunhados e nem tempo tive de ligar, qto mais fazer-lhes a tal visita.

Agora estou mto zangada comigo, sabes? Passei o resto da tarde na cozinha a fazer "mimos" para amanhã levar (panados, arroz de cenoura, gelado e o malfadado chiffon de laranja) este ficou um autêntico "chapéu de pobre" não consigo acertar e nem o levo.Até se come, mas tem um aspecto deplorável ... IRRA!

Pascoalita disse...

Para agravar o meu estado de espírito, retirei a forma que tinha deixado sobre o bolo enqto arrefecia no exacto momento em que o 2 "artistas" jantavam. A risota foi geral: Enqto o pai se ria e ia dizendo:
- "hoje é que expressão "chapéu de pobre" lhe cai msm bem!";

O filho aproveitou pra ironizar:

- "Então hoje não tiras o retrato este"?
:( :( :(

Laura disse...

Ó tadinha de ti e o filho tem razão.. Atão não tiras o retrato a este?, já que tiras aos outros que ficam lindos, ó mana o feito na interessa, interessa estar gostoso..
Não faz mal que não foste á Côca, há mais Domingos, eu é que a vi tristinha e teve uma péssima semana, e como estás ali mesmo ao lado...
O teu hortelão até sabe prosar o malandreco, se fosse ele a fazer o bolo já nem gozava, olha pó galiró...ehhhhhh

Pascoalita disse...

Oi, Zeca Paleca :)
Tu não te cansas? Xiççça!!!

Laurita, Jákátou no meu PT. Ver se descanso um pouco durante a semana eheh
Pois não tirei nada o retrato aquela desgraça.Inda avariava a máq eheh
Boa semantita

L.S. Alves disse...

Liga não Pascoalita, há muitas coisas que são dificeis de encarar, mas são muito boas de se comer.
Beijos.

Ahlka disse...

Pascoalita, frustrada? olha prá baixo que ficas bem. Cá em baixo 'tou eu com um avental amarelão onde os meus filhos entre outras coisas escreveram à cautela o nº da telepizza ;))

neide disse...

Olha a Alkinha de avental e com o numero à mão de semar, coitados dos catraios, gostam de comidinha que lhes saiba.. Ora,s e morasses aqui vinham cá todos papar numa santa paz e alegria que eu adoro cozinhar e até hoje só se queixaram de sal a mais ehhhhhhh..beijinhos..

Laura disse...

Ehh pelos vistos todos tiveram a visita da neide nos seus blogues ehhh, mas que burra a laurinha saiu que nem viu quem assinou, enfim..tá feito..jinhos..

Pascoalita disse...

eheheh Laurita e Ahlkinha,
Cerca das 23h de ontem já estava deitada (isso pq estou de novo sem net em casa, claro) o filhote ligou a perguntar se tava tudo bem em casa e tb para dizer que àquela hora ia comer o almoço (favas) que eu lhe mandara às 10,30 da manhã ahahah
Entretanto, o colega já me tinha agradecido o gelado dizendo que tava bom.
Enfim, horários e hábitos de tempos modernos eheheh

Pascoalita disse...

Ah! esqueci de dizer que sou mais teimosa que uma mula!!!
E hoje ou amanhã vou tentar de novo acertar no chiffon.

Pascoalita disse...

A propósito do tema, não consigo abstrair-me do caso do desaparecimento da menina inglesa!

Estou consciente de que por mais que me esforce, estou longe de saber o que se sente numa situação destas, mas sei o que é viver permanentemente em função dos filhotes e ter em mente todos os possíveis perigos de modo a protegê-los.
Qtas vezes os meus filhos me acusam de excesso de zelo, mas até nem fui exagerada, apenas zelosa q.b. e super atenta.

Zeca Paleca disse...

Mas que nome tão catita
Minha Querida Pascoalita
Deixa fugir a guitarra
Quem foge também se agarra
Pinta o teu rosto lindo
Tu que tens saber profundo
Para ti não estou mentindo
Vou contigo por esse mundo.

SEMPRE A CORRER!

eheheheheh
Visita o meu homem das barbas

L.S. Alves disse...

Essa Neide aí por acaso é a Neide da Laurinha?
.
Vai lá Pascoalita dá duro no Chiffon. Eu levei seis meses para acertar o arroz do jeito que eu queria. O negócio é não desistir.
Beijos.

Pascoalita disse...

Mto engraçado este Zeca Paleca ... msm a correr, vai rimando eheh
Pronto! porometo visitar o teu "homem das barbas" logo que tenha um cadito de tempo, tá?
té lgo
Alves, a "Neide" é a filha da laura, sim. Só que neste caso, foi a própria laura que estava usando o link da filhota sem se aperceber, entendes?

Mas eu já fiz optimamente este chiffon ... umas vezes sai bem, outras sai uma desgraça. Qdo tionha um forno a gás, os bolos saíam sempre bem; não me entendo com o forno eléctrico :(

Rafeiro Perfumado disse...

Ainda venho a tempo? Bem, para mim dia da Mãe é todos os dias!

Laura disse...

Oi pascoalita eu ja fiz chiffon há anos e nem me lembro a que sabe, mas um dia..nem penso que vai sair como os teus ehhhh a mim sai tudo bem, só o resto é que não ehhhhhhhhhhhhhhh..

L.S. Alves disse...

Pascoalita; quando tu acertares esse tal de chiffon posta uma foto, pois não conheço esse quitute.
Beijos.

Pascoalita disse...

Claro que chegas sempre a tempo, Rafeirinho (só o Zeca paleca te leva a melhor eheheh)
Concordo inteirmente contigo. Tb não acho piada a "dias disto e daquilo" eheheh

Laurita, creio que se chamam "chiffons" os bolos que levam óleo e ficam fofinhos, sabes? E é claro que sabem àquilo que lhe adicionares. Há de chocolate, de laranja, etc..
Geralmente estes bolos são mto sensíveis e há até truques para contrariar possíveis falhas, mas eu é que nem me tenho dado ao trabalho de consultar um livrão que tenho onde certamente encontrava alguma "dica" eheheh
Alves, assim até sinto mais motivação para continuar a tentar. Já me tem saído benzito, sabes??? mas é mto raro. A primeira vez que o fiz, já lá vão uns 10 anos e ainda tinha o forno a gás, ficou lindo! alto! as fatias fotinhas e enormes ... té dava gosto. Mas nunca mais ficou assim :(

Ok, fica prometida uma foto :)